Contos Akáshicos: Sobre SER e ESTAR

A ela foi dito: “Acredite! Seu maior dom é alegrar tudo o que está a sua volta.”

Ela duvidou. Como poderia ela levar alegria por onde passava? Afinal, ultimamente, não conseguia sequer sustentar sua própria alegria.

Então, explicaram como se “lessem sua mente”: 
“Ser e estar são pontos diferentes. Não é porque hoje você está triste que você é triste. Não é porque você convive com pessoas de baixa vibração que sua vibração é baixa.
Estar é um estado, um momento, uma efemeridade. Ser é eterno, invariável, imutável.
E nesse momento, trazemos a você informações do seu ser, do seu eterno.
Mesmo que você queira fugir dessa verdade, ela estará sempre batendo a sua porta, trazendo recordações de situações, dessa ou de outras vidas, em que você estava em alinhamento com o SER.”

Apesar de soar estranho, aquelas palavras tocaram sua alma. Começou a recordar de momentos coloridos da infância, da satisfação em ver o outro sorrindo ao seu lado e dos abraços calorosos que energizavam os mais próximos.

Então, caiu em si e com uma emoção contida permitiu-se naquele momento apenas SER.

💙👽
Escrito por Rosana Kalil.
Série Contos Akáshicos: tem como objetivo transmitir ensinamentos canalizados, através de leituras de registros akáshicos, de forma leve, lúdica e concisa.

Deseja conhecer mais sobre Registros Akáshicos? Clique AQUI

Deixe uma resposta